Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Dúvidas Cor de Rosa

Um blog extremamente fofinho e quase sempre zen.

Dúvidas Cor de Rosa

Um blog extremamente fofinho e quase sempre zen.

Filipa explica: 1) como ter muitos comentários nos vossos posts?

Fevereiro 09, 2015

Filipa

Comentem vocês próprios, em modo anónimo. Para a coisa parecer ainda mais credível, fomentem um diálogo, partilhem da mesma opinião, pareçam grandes amigos, dêem-se razão, dêem-se palmadinhas nas costas, mostrem-se solidários convosco, comunguem dos mesmos amores, dos mesmos ódios, da mesma loucura.
Vão parecer umas parvalhonas, mas não será isso que vos vai fazer parecer umas parvas de merda. É outra coisa.

Filipa recomenda... só que não #4

Fevereiro 09, 2015

Filipa

Dior, então...?
 
Tenho um carinho especial pela marca, confesso. De tal forma que quando sei que algo de novo sai, lá vou eu ver, sendo que por "ver" devem entender "gastar para cima de uma pipa de massa". Com a colecção Spring/Summer 2015 nasceu um produto que me deixou curiosa pela sua aparente praticidade e ao mesmo tempo de pé atrás, devido à sua praticidade. Confusas? É normal, eu também fiquei. Eu explico. Curiosa porque sou pessoa assoberbada de afazeres importantíssimos e não tenho muito tempo para perder com maquilhagens elaboradas que requeiram muitos tarecos. Sou, portanto militante de tudo quanto facilite o processo maquilhativo e este gajo piscou-me o olho e disse-me para o seguir. De pé atrás porque não acredito que um produto multifacetado cumpra, em todas as suas vertentes, o que promete e em grau de excelência aceitável para os meus critérios. Meu Deus, ser mulher dá-me cabo da cabeça, não podemos só ficar tremendamente agradecidas por existir alguém que se lembra de nos facilitar a vida?, fica a questão no ar, alguém a agarre e trate dela.
Vamos para já conhecer o bicho e depois logo se vê onde a prosa nos leva:
 
Cheek & Lip Glow- Gel
 
 
A foto é daqui que as minhas, enfim...
 
É portanto, um gel para lábios e bochechas cujo pronto intuito é o de os brindar com um ar saudável e rosadinho. Ar de quem esteve numa esplanada ali no Estoril, em boa companhia e a deixar-se esbofetear pela brisa, e sai de lá com um ligeiro tom rosado, mas sem lá ter estado, se é que me entendem. Primeiramente deixa-nos um fresquinho nos lábios. Tudo bem, aprecio fresquinho, só que este é um fresquinho parvo, sem sentido, despropositado, chega até a ser incomodativo, tipo certas bloggers; existem,  a pessoa sabe que têm de existir, mas no fundo não percebemos muito bem o porquê. Mistérios da vida, há que seguir em frente. Felizmente a sensação é passageira e o facto da sua textura ser em gel, é rapidamente absorvida pela pele, nada de brilho, inútil portanto. No final da aplicação, fica-se com uns lábios em tom rosado, secos e mortiços e é só. Zero hidratação, zero conforto, ninguém percebe porque faz frio, é amargo e fica-se a olhar para aquilo ainda um bom bocado, à espera que a qualquer momento aconteça alguma coisa, qualquer coisa surpreendente que nos avassale a alma e o corpo, mas não, é só mesmo isto.
Se o produto na zona labial não funciona, imagine-se a trolice que é colocar isto numas maçãs do rosto perfeitamente maquilhadas. Sendo que o blush é item para ser colocado após o pó e este objecto inanimado é de textura liquida, ainda estava com o aplicador a caminho das bochechas e já estava a imaginar a tragédia de resultado. Para começar e como não lhe conhecia as manias, coloquei uma quantidade pequenina e a única coisa que vi foi a base e o pó que tinha acabado de colocar, a irem-se, a dizerem-me adeus enquanto se riam da minha ingenuidade. E colocava mais e a base a ir-se, o pó a ir-se e a cor prometida viste-ze-a? Nem eu. Quando baixei os braços, quando me rendi às evidências de que há alturas na vida em que mais vale estar quieta, fiquei com o sítio onde estava a colocar o produto, sem maquilhagem alguma. Portanto, fiquem sabendo que o santo graal da praticidade, da naturalidade e do frescor, como batom barra blush barra what the fuck is this?, é um autêntico flop, mas como desmaquilhante, upa, upa, temos menino.
 

ponto de situação

Fevereiro 04, 2015

Filipa

há doze posts que não digo um único palavrão. As próximas missões impossíveis são: ser dócil e cordial com todos os anónimos, e conseguir perceber o que leva uma blogger a recomendar um serviço, desrecomendá-lo, recomendar outro e nos entretantos não existir ninguém que lhe mostre o significado da palavra credibilidade.

Filipa recomenda #4

Fevereiro 03, 2015

Filipa

Olá, olá, cá estou eu com outro produto estrela, outra menina dos meus olhos. Espero que reparem que estou a desvendar os meus segredos mais íntimos a uma velocidade para lá de furiosa, daqui a nada perco o meu encanto, eu sei, mas o que não faz uma mulher por outra em ânsias? Isto agora é só aviar cartucho, que eu cá quando tenho uma batata quente em mãos, não descanso enquanto não a passo a outra.
 
Desta vez somos todos Dior.
 
Lip maximizer collagen activ



 
O Ferrari dos glosses, o Leonel Messi do aporte de volume nos lábios, é a Crux do conforto e brilho labial, é o Táquion da hidratação e regeneração do beicinho. Leram bem, não se acotovelem, não me deixem os leitores nervosos, calma, este produto dá MESMO volume e um brilho tão obscenos que chega a ser pornográfico. Ou tão pornográficos que chega a ser obsceno, já nem sei bem. Há quem tenha a desfaçatez de o usar para dar brilho a um batom mais pobrezinho, Hosana nas alturas, que sacrilégio, fogueira, já! O Lip Maximizer não é um mero gloss. É um lip plumper, não nos vamos pôr para aqui a reduzir a existência deste bem essencial, deste bem mais precioso, ao nível de um glossezinho de vão de escada. Este bebé devia chegar às mãos das consumidoras, embrulhado em folha de ouro com apontamentos quasarianos, e perfumado com o aroma de Orquídea Imperial, a do deserto. Só assim o seu verdadeiro valor fazia jus à maravilha que é. Existe em várias cores, a que uso são todas, tanto faz, são todas lindas. Deixam o lábio  com uma cor fofinha, quase transparente mas nem tanto. Faz lembrar aquela cena do azul-que-agora-é-verde-Açores-mas-que-vai-voltar-a-ser-azul-a-qualquer-momento, sabem?, uma pessoa tem ideia da cor mas nunca a certeza, fica-se ali a pairar na dúvida e, como toda a gente sabe, em caso de dúvida, in dúbio para o réu.
Mal o colocam, uma onda de frescor dá-vos tamanho chapadão que sois obrigados a dar um passo atrás. Depois de recompostos constatarão somente uma brisinha que perdurará enquanto o batom durar em vós. Acto contínuo, surgirá, ex aequo no pódio do bem estar, um formigueiro giro que mais não é do que o colagénio activo presente no produto, bem como uma combinação de esferas marinhas e hialurónicas, a fazerem o seu trabalhinho. Não ficam uma Manuela Moura Guedes da vida, tirem lá o cavalinho da chuva, mas preparem-se para uns lábios mais cheios. Além de olhinhos, podeis também fazer boquinhas à vontade. Como bónus, metam lá no bolso da vossa estupefacção uma hidratação extrema, nada de cabelos colados à boca, nada de lábios arreganhados e cheios de peles. O preço?, ´tão o preço é de amigos, ronda os 35 euros em qualquer loja da especialidade, sendo que estais carecas de saber o que penso acerca da Perfumes e Companhia. Preço justo para o que o produto promete e efectivamente faz e eu, que mantenho uma relação um bocado obsessiva com ele, vai para cima de dez anos, estou em muito boa posição para o afirmar com isenta propriedade. O que vos digo, em jeito de remate em cheio nas redes da baliza do vosso deslumbramento, é que por muito que haja quem ande de Labello em punho, haverá sempre mais a desfilar de Dior.

Pág. 3/3

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D