Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Haja alegria.

por Filipa, em 20.10.13
Passaram dois dias desde que Ella saiu da clínica e ainda parece que está com uma bebedeira daquelas à antiga.
Não se segura nas patas, vai contra os móveis, as ombreiras das portas, à mesa da cozinha, da sala e hoje cagou no bebedouro da Chanel que achou aquilo uma afronta e cortou relações com Ella. Antes de ver os cagalhotos a boiar na água, pensei que também a cadela estava a enlouquecer. Ladrava para o recipiente e rodopiava e rosnava e eu sei lá. Depois vi que era só merda a boiar e fiquei muito mais descansada. Está periclitante esta amizade. A bicha está desorientada e eu estou pior ainda. Tem uma costura sem pontos visíveis, ou seja, visualmente parece colado e eu morro de medo que aquilo descole e que a criatura me ande a espalhar as entranhas casa fora, a encher tudo de sangue e me morra seca aqui num canto qualquer. Para o prevenir ando sempre, mas sempre com Ella ao colo e transporto-a para onde acho que ela precisa de ir. Levo-a até ao seu wc, levo-lhe o comer à cama. Não à cama dela, mas ao sofá de pele que ela definiu como a cama perfeita para a sua recuperação. Eu anui que a pussy está frágil mas estou sempre à coca de eventuais unhadas no meu fofinho sofá. Levo-lhe água, fiambre e queijo enroladinhos que Ella tanto gosta, mantenho o Guedes longe que o fulano quer é rolê, enfim, já tinha pouco com que me ocupar e ainda arranjei este part time. À noite é pior. Ella não quer ficar sozinha, Guedes não quer ficar sozinho, Chanel não quer ficar sozinha e eu tenho que arranjar estratégias para que as noites se passem calmas. Resolvi que petit Guedes, que é um autêntico gâteau (eu sei, eu sei, foi bué seca, mas que se lixe, é o que se arranja), dormia com Chanel e Dior e que Ella dormia comigo e assim tem sido. Pobre gâteau que de manhã vem a pingar baba das lambuzadelas que as duas malucas lhe dão all night long, mas no fundo, no fundo, o tipo até gosta. Mas o que interessa é que está a recuperar bem e já se aventura num saltinho ou outro, para desespero meu.
Tenho sempre uma animaçãozinha ou outra na minha vida, conforme se vê. Para a semana há outra que me está a deixar em ânsias, vómitos e pequenos apontamentos depressivos.
O cabrão do meu 39º aniversário.

Foda-se.

Autoria e outros dados (tags, etc)


4 comentários

Sem imagem de perfil

De onónimo a 20.10.2013 às 23:35

:) como usual o Guedes fica com a melhor parte do negócio.
Beijo, Filipa!
Rápidas melhoras para essa tua pantera!
Sem imagem de perfil

De Isa a 21.10.2013 às 01:47

:o.O somos duas, mais 3 anos para mim. lá pro fim da semana...
Sem imagem de perfil

De maria a 21.10.2013 às 03:49

Estás chateada por fazeres 39? Experimenta estar a caminho dos 52 e reparares que neste último ano te estás a transformar a passos largos num buldogue, com o raio das peles todas caídas. Para não me deprimir, decidi ver-me ao espelho o menos possível. Só de manhã quando lavo a cara e penteio o cabelo, p'raí durante um minuto. Mas hey, envelhecer é sempre melhor do que a alternativa.
Gosto muito do teu blog e só tenho pena que não postes mais assiduamente. E também adoro gatos. Neste momento sou dona do Amarelo mais fofo que tu possas imaginar, mas no quintal tenho p'raí mais uns vinte de todas as cores e feitios.
Sem imagem de perfil

De Mariam a 21.10.2013 às 22:28

Também és escorpiona, magana?

Comentar post






Header gentil e adoravelmente cedido pela

Gaffe