Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Sinto um carinho especial

por Filipa, em 04.09.14
pelas pessoas que decidem dar outro uso às passadeiras que não a suposta, como seja o caso de estarem à beira dela a conversar, a falar ao telemóvel ou simplesmente a apanhar ar, diz que o ar nas passadeiras é mais puro. Obriga o condutor a parar em vão, mas o que é isso perto de um cabrão de um peão saudável?

Autoria e outros dados (tags, etc)

A primeira e única vez que me peidei à frente do meu gajo, estava eu a parir. Foi uma coisa involuntária, inesperada, fruto de muitas horas a fazer força, um gajo quase que expulsa a alma do corpo, que dirá de um gás sem importância. Os médicos relevaram, claro, toda a gente sabe que as coisas são mesmo assim, se alguém chegar um fósforo à maternidade, podem crer que aquilo vai pelos ares. As enfermeiras nem deram conta e o meu gajo riu-se. E aquilo enervou-me, pá. Então uma gaja está a parir um leitão, cheia de fios, agulhas, sangue, suor e lágrimas por todo o lado, indefesa, à mercê da burrice de inúmeros estagiários e aquele fulano em vez de estar solidário com o meu descuido, mandar-se para cima da cadeira naquela de fazer de conta que era o estofo que parecia mesmo um traque apressado, em vez de tossir para abafá-lo, em vez de tanta coisa, ri-se? Assim? Ainda hoje estou sentida com ele, um gajo quando dá um peidinho não gosta de ser gozado. Não me perguntem pelo cheiro; um flato não se avalia pelo odor mas sim pelo caos acústico que provoca e o meu, caro leitor, não saiu de pantufas, saiu de tacão, de sola vermelha, com pompa e circunstância, com garbo e personalidade. Forma de expressão quase musical, praticamente genial, foi um senhor peido. E é por isso que cada vez entendo menos as gargalhadas que ainda hoje este gajo dá quando se lembra do incompreendido pum. É que, parecendo que não, fez parte da banda sonora do nascimento do próprio filho, a verdadeira epifânia do amor.
Só à chapada, foda-se.

Autoria e outros dados (tags, etc)





Header gentil e adoravelmente cedido pela

Gaffe