Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




...

por Filipa, em 24.05.12
Ando a passar um mau bocado com o meu carro. A minha carteira anda a passar um mau bocado com o meu carro. A companhia de seguros anda a passar alguns maus bocados com o meu carro. Assim num instantinho vejo-me forçada a dizer que em quinze dias, chinaram-me três pneus. E não estamos cá a falar de preguinhos deixados debaixo dos pneus, nem de lhes mexer no pipo, não. Coisa de profissional. E de homem que eu desde que meti na cabeça que me havia de vingar de alguém que infelizmente já não está entre nós*, fodendo-lhe pelo menos dois dos seus quatro pneus, que me debruço sobre a grande dúvida que se reza assim: 
Terá uma gaja de estatura média, com 10% de gordura corporal e abdominais que já viram melhores dias, força para furar um pneu logo à primeira? Tenho pesquizado bastante e acho que não, por isso é que acho que só pode ser homem. Gaja nenhuma saltita confortavelmente de shopping em shopping com um facalhão com as dimensões do que o que usaram para me furarem os pequenitos, na pochete, foda-se! Tenho apostado em fazer render o meu pouco tempo a excluir malta com a qual poderei ter desatinado e dito algo que a levasse a querer-me na puta da miséria e nada, não consigo e tarda nada furam-me o quarto, voltam ao primeiro e eu nisto, nesta angustia sem fim. Nem é pela merda dos quase trezentos euros que gastei que eu cá, com qualquer malga de sopa e pedaço de pão duro, faço a festa. Intriga-me existir quem me odeie a este ponto e não ter como mostrar como sou uma pessoa melhor, tão diferente do que imaginam e de como deus não quer que usemos inocentes para mostrarmos a nossa revolta e o meu carro não tem culpa da dona que tem. E caso tenha errado, sou pessoa pedir perdão, dar a outra face que é como quem diz, dar inclusive aquele pneuzito magrito que anda escondido na mala, para estraçalharem a gosto, desde que com isso fizesse alguém feliz. 



*suspiro*






*amén

Autoria e outros dados (tags, etc)


5 comentários

Sem imagem de perfil

De anouc a 25.05.2012 às 09:56

Isso resolve-se facilmente se trocares o carro por um camião TIR. Aposto que esses pneus o cabrão não consegue furar.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 25.05.2012 às 14:49

Olha que é "pesquisado".
Sem imagem de perfil

De Filipa a 25.05.2012 às 15:16

Fica assim que eu tenho um carinho especial por "pesquizar"
Sem imagem de perfil

De Éneo a 25.05.2012 às 18:57

Novamente me identifico com o dizes.

Quando algum descendente de abraão importuna alguma das minhas meninas além do enxerto de porrada que leva aqui dos meus pretos ainda lhe fodo pessoalmente os pneus com uma faca de mato. O puto da situação é que ainda tenho de arranjar quem o deixe à porta do hospital e rebocar o veículo até à pedreira que fica a 150 quilómetros daqui. É coisa de gajo, irreflectida, podia levar o carro à pedreira e foder-lhe lá os pneus. Há que manter o respeito. Ninguém toca nas minhas meninas (com o Barbosa é diferente, o gajo não faz por mal, é apenas grande e desajeitado, mas qualquer dia meto-lhe uma banda gástrica pela goela abaixo).

Se quiseres dois negros valentes e voluntariosos para te resolver o problema é só dizer.
Sem imagem de perfil

De O Sexo e a Idade a 26.05.2012 às 12:15

Pois, sei bem o que isso é!
Este ano já conto 7 pneus...
acabei por apresentar queixa na policia.
Podes ver aqui a estória: http://erc-osexoeaidade.blogspot.pt/2012/04/confirmacao.html

Comentar post






Header gentil e adoravelmente cedido pela

Gaffe