Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Ó diabo...

por Filipa, em 21.04.16

Recebi este email esta semana: 

"Carlos Silva <empresapic2000@hotmail.com> escreveu: A senhora não está bem. Não lhe deram educação? Muito bem. Leia, foi um detective que contratei, é legal, onde a senhora for, ele vai"

 

Sinceramente sempre pensei que não passava de garganta, de conversa fiada, enfim, não levei a ameaça a sério. Coloquei a questão para trás das costas e fui à minha vida de blogger de sucesso, que é como quem diz, fui tirar selfies para depois vos mostrar a minha roupa, o meu cabelo maravilhoso, os sítios fantásticos que visito, etc.

Ia agora mesmo colocar as fotos no Facebook, quando reparo que há algo nelas que não está bem. 

Nesta, por exemplo, pretendia mostrar-vos o fantástico fecho do meu casaco eco-leather que além de lindo é bastante útil: com ele abro e fecho o meu casaco: quando está frio, fecho-o, quando está calor, abro-o. Simples, é mesmo intuitivo.

Ia a escrever a legenda da foto, para que ninguém ficasse com dúvidas sobre a sua utilidade, quando reparo em algo errado..

Vejam com os vossos próprios olhos 

 

 

detective2.jpg

 

 

 

 

Não estou maluca, pois não? Há um elemento extra bastante suspeito entre o meu casaco e aquela árvore ali do lado esquerdo, não há?

 

Ignorei, que nestas coisas de ser seguida, o melhor é fingir que não se deu conta de nada e quando me preparava para fazer o post em que falava de como as costuras do meu querido casaco estavam irrepreensíveis, como cumprem tão bem o seu papel de seguradoras de mangas, que nunca tinha visto umas costuras assim e antes que conseguisse falar sobre os acabamentos de luxo, pimba!, reparo noutra coisa suspeita...

 

 

detective2.jpg

 

Incomodada, larguei a correr e só parei em casa para um chá e scone.

Tento recompor as emoções e de repente lembro-me que há um post em atraso onde mostro não só o meu sofá de blogger, com o seu estilo todo Manuelino, como os meus cortinados de seda virgem com um toque de angorá. Acto contínuo puxo a foto, escrevo o texto e quando pré-visualizo, mais coisas suspeitas surgem...

 

detective4.jpg

 

 

Amplio a foto para ver se aquilo que estou a pensar não passava de um escaravelho, uma aranha ou até mesmo o écran do telemóvel sujo e...

 

detective3.jpg

 

Não, é mesmo uma detective.

Pergunto ao senhor carlos se aqueles mil euros que ia pagar pela minha pasta inclui alimentação, cama e roupa lavada para o detective ou agora ainda tenho de o sustentar?

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


73 comentários

Sem imagem de perfil

De Bolacha Maria a 21.04.2016 às 17:45

Filipa, isto é que é ser importante! Isto tem quase a mesma equivalência que um guarda-costas, não é? Bolas, agora fiquei com um bocadinho de inveja... não tenho esta importância :):):)
Sem imagem de perfil

De Troll a 21.04.2016 às 20:07

Retiro o que escrevi em tom de brincadeira. Para mim deixou de ter alguma piada quando li o comentário sobre o seu pai. Triste...
Sem imagem de perfil

De grassa a 21.04.2016 às 19:16

Já alguém descobriu porque é que o teu pai se matou, minha puta de merda?

Queres vir cá obrigar-me a mim a pedir-te desculpa, vaca nojenta?
Imagem de perfil

De Filipa a 21.04.2016 às 19:42

Ora aqui está alguém extremamente mal disposto para isto das guerras na blogoesfera, coisa só levada a sério pelos parvos, ele não, que finge defender uma amiga a ver se as putas não lhe levam guita.

Já te correu mal uma vez, quando a tua mulher descobriu que andavas nas putas na net, mas ainda não aprendeste.
Além de putanheiro, és burro, pá.
És tão feio e tão nojento que nem a puta com quem pensas que te vais meter, te vai pegar. Pareces uma talocha, mas em mau.
Sim, tenho de falar do exterior, porque o interior está à vista.

É verdade, o meu pai matou-se por minha causa, tenho a maior das penas, mas finalmente alguém me descobre as carecas.
Snif.
Sem imagem de perfil

De Isa a 21.04.2016 às 19:45

Vergonha alheia, Grassa. Sério, pá. Vergonha!

Tu vai pra casa e espeta com essa cabeça contra uma parede, foda-se!
Imagem de perfil

De Filipa a 21.04.2016 às 19:47

Deixa-o estar, pá, que a gente precisa desta gente para provar que a nossa sanidade mental está intacta.
Imagem de perfil

De Filipa a 21.04.2016 às 19:57

MUAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAAHAHAH

Por esta não estavas tu à espera ;)))
Sem imagem de perfil

De Troll a 22.04.2016 às 07:19

Esse panascão ressabiado agora mudou-se para aqui? Deixa estar que depois de também cá há-de vir a arrastar os tomatinhos (que ainda lhe hão-de nascer) e pedir desculpa.
Sem imagem de perfil

De Euzinha a 22.04.2016 às 00:11

Se algum merdas me puxasse a morte de um familiar para a conversa eu em menos de nada descobria-lhes a morada e punha-os a papas o resto da vida. De que buraco saiu este cagalhão, pá? Até estou nervosa, Filipa.
Preciso de um chá.
Sem imagem de perfil

De Me a 21.04.2016 às 21:19

Dear God...
Sem imagem de perfil

De Tónicha a 21.04.2016 às 23:21

A bipolaridade é uma doença há malta que devia pedir ajuda e depressa.
Medo...

Comentar post


Pág. 3/3






Header gentil e adoravelmente cedido pela

Gaffe